1655

Prefeitura Municipal de Ibicaraí

Pular para o conteúdo

Ibicaraí faz parceria com Ceplac para implantação de nova técnica de plantio de cacau

Fonte: Assessoria de Comunicação
07/11/2019 às 15h47

Noticia

Galeria com imagens e vídeos sobre a matéria


A Secretaria Municipal de Agricultura, Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente de Ibicaraí fechou na manhã de ontem, segunda-feira, dia 4 de novembro, parceria com a Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac) para aplicação de nova técnica de plantio, adubação, poda e manejo do cacau. O projeto que já é aplicado pela Ceplac em outros municípios será implantado em uma área de meio hectare no Assentamento Santana - com aproximadamente 380 pés de cacau plantados - e de acordo com o Chefe Regional da Ceplac, Reginaldo Paim e o Técnico Agropecuário Carlos Alberto Serafim Silva, se o agricultor seguir todas as etapas do processo a produtividade da área terá um ganho significativo, além da qualidade do fruto.

O local foi cedido pelos assentados e segundo Osaná Crisóstomo, um dos responsáveis pelo assentamento, no local moram mais de 30 famílias e 12 estão plantando cacau e irão participar desse projeto. “A ideia é cultivar cacau de qualidade e fornecer para a Fábrica Bahia Cacau, que tem pago até R$ 220 reais por arroba de cacau de qualidade, preço esse muito acima do mercado”, disse Osaná.

Segundo o secretário de Agricultura Joadson Evangelista, a ideia é usar essa área como projeto piloto e a partir dos resultados obtidos implantar esse novo método em outras propriedades rurais do município. “Recuperar a lavoura cacaueira na nossa cidade é um sonho do prefeito Lula Brandão, que me cobra diariamente resultados nessa área. Tenho buscado junto a Ceplac o apoio técnico necessário e acredito que em breve começaremos a colher bons frutos”, disse Joadson.

De acordo com o Chefe Regional da Ceplac, Reginaldo Paim, esse novo método dá inicialmente 100 arrobas por hectare, com mil pés plantados, podendo chegar a 500 arrobas. “Iniciaremos ainda essa semana os trabalhos com o levantamento da área, via GPS. Na sequência faremos um croqui (planta baixa do local) e vamos recolher uma amostra do solo para análise. A fase seguinte será a de remoção de pés que estão plantados de forma inadequada e poda em áreas de muita sombra e adubação. Essa adubação dependerá do resultado da análise do solo. Fico feliz em saber que Ibicaraí tem um secretário de Agricultura que está verdadeiramente preocupado com a recuperação da lavoura cacaueira, e mais que isso é saber que existem pequenos cacauicultores plantando e tendo preço, pois a cidade tem uma fábrica que pode beneficiar tudo o que está sendo plantado e colhido”, disse Reginaldo.

Na parte final da visita os técnicos conheceram a Fábrica de Chocolate Bahia Cacau, e viram de perto todo o processo de fabricação e por último degustaram do chocolate no show room da loja da fábrica e provaram do mel de cacau que também é vendido no local.